Bicicleta dobrável no avião – GOL e TAP

Ao me mudar para Portugal, trouxe comigo minha bike dobrável, uma Montecci 20′, como a da imagem.

montecci-foldingBrsl

Ela chegou inteirinha depois dos trechos Florianópolis – Rio de Janeiro – Porto, mas isso me exigiu um embrulho em 3 estágios, depois da bike dobrada e selim retirado:

1 – enrolar com papel bolha, papelão e outros materiais: dependendo da parte da bike e de quão frágil era, eu usei um material mais ou menos duro para cobri-la. O câmbio, por exemplo, exigiu plástico e papelão, e ainda assim foi a parte que notei que mais sofreu pancada durante a viagem, o papelão ficou bem marcado. O cano e partes de “lataria”, que a preocupação maior era não arranhar ou amassar, foi só enrolado com bastante papel bolha e fita, muuuita fita fixadora. O aspecto antes do toque final foi este:

IMG_1529

2 – com as partes bem protegidas, passei um grande papel bolha que enrolou toda a bike, colando sempre com fita, e coloquei dentro de uma mala de viagem para bike. Comprei uma bem simples na amazon por 27 dólares, mas foi uma grata surpresa! A função dela não era protetora da bike, mas sim facilitadora do manejo, já que tem uma alça para carregá-la, e isso foi bem cumprido.

3 – a impressão quando coloquei a bike dentro da mala foi de que estava muito maior do que as companhias aéreas permitem despachar, por isso passei na zip bag do aeroporto, que enrola uma camada super grossa de plástico ao redor da bolsa por 50 reais (setembro/2015). Além de ajudar a proteger, teve uma redução drástica de tamanho, foi ótimo, facilitou, inclusive, no manuseio.

Recebemos a mala no Porto igualzinha como foi despachada 🙂 Voamos GOL e TAP sem problemas, mas lembrando que mantivemos a bagagem dentro das dimensões aceitas pelas companhias. A dimensão da minha bike dobrada é 67x34x83 cm ou 24.7×13.4×32.8 inches. Se a sua bike for maior do que as dimensões que as companhias permitem despachar, não deixe de contatá-las para saber tudo direitinho e evitar dor de cabeça.

Anúncios

Um comentário sobre “Bicicleta dobrável no avião – GOL e TAP

  1. Pingback: A bicicleta em Portugal – Portugal sem fronteiras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s