Chaveiro no Porto – trancados fora de casa

A questão não é “será que vai acontecer”, mas “quando vai acontecer” e, no meu caso, foi três meses após a mudança. Fim de campeonato brasileiro, euforia pela permanência na série A e bum: porta fechada e ninguém com chave nos bolsos.

Googleei chaveiro + porto e em 15 minutos estava de volta dentro de casa 🙂  Chamei a blusegurança e o atendimento foi super rápido, acho que em 30 segundos abriu a porta – não estava trancada, apenas fechada, mas como não há maçaneta que gira por fora, fica-se assim…

E claro, escolhi um domingo à noite para o episódio, o que me saiu caro ao cubo: 65 euros. O senhor que abriu a porta usou apenas lubrificante e uma chapa metálica para abrir, há que se descobrir qual o segredo e guardar uma dessas embaixo do tapete de entrada para emergências. E vale tentar o wikihow, sempre salvador.

A porta e o canhão não são danificados e, após o serviço, preenche-se uma ficha com dados pessoais, segundo o chaveiro, para evitar que pessoas o chamem para participar de assaltos à domicílio, hehe.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s