Seguro barato para viagens curtas pela Europa

Aqui em Portugal vivemos com o PB4, um acordo Brasil-Portugal que nos dá acesso ao sistema público de saúde de forma gratuita – nunca usamos, graças! 😀

No entanto, quando viajamos pela Europa, ficamos sem assistência médica, já que o PB4 é limitado a Portugal, e também ficamos sem um item indispensável para quem circula pelo Espaço Schengen, que é o seguro saúde (embora não passemos por fronteiras ao viajar, e não nos peçam para conferir nada). Por isso, após muuuito pesquisar, sempre adquiro um seguro barato antes de partir para onde quer que seja, mais por desencargo de consciência do que qualquer outro motivo.

Atenção que vou recomendar um serviço, mas não posso falar sobre a qualidade dele! O que me motiva a comprá-lo é a praticidade e o preço. Trata-se do Atlas International Travel da Tokio Marine. Para viagens curtas, de uma semana, pago cerca de 10 dólares para o casal – lembrando de contratar um plano que cubra os 30 mil euros exigidos para estrangeiros na Europa. Na hora já me enviam um email com o cartãozinho para imprimir, dobrar e levar na viagem.

Recomendo que nunca viajem sem assistência. E atenção que este seguro é para viagens de lazer. Para viagens de aventura e outras atividades de maior risco, procure no mesmo site o “Adventure”, e o preço sobe um pouco.

Anúncios

Renovar o PB4 – só no Brasil

É uma dúvida muuuito comum, e, infelizmente, o PB4 só se renova no Brasil. É um documento bem simples de se tirar, aqui já falei como e onde, mas ele só vale por um ano e precisa estar sempre renovado junto ao posto de saúde em que você se cadastrou em Portugal para que seu atendimento seja igual ($$) ao dos portugueses.

Há quem diga que não é preciso renovar, que a partir da primeira vez que você se inscreve e consegue seu número de utente ele vale pra sempre, mas não sei. O fato é que, no meu utente, tem lá embaixo o prazo de validade, que é o mesmo que o do PB4 que usei no cadastro.

Veja aqui como conseguir seu número de utente.

Para renovar após expirado o primeiro ano, já deixe uma procuração com alguém. Pode ser a de “amplos poderes”. Se você não fez antes de deixar o Brasil, pode fazê-la no Consulado Brasileiro. Aqui eu digo como. A pessoa que vai renovar leva a procuração e os mesmos documentos que você levou ao pedir o PB4 pela primeira vez: Passaporte, RG, CPF, comprovante de residência. Não precisam ser os originais, evidentemente, deixe cópias autenticadas. Depois de feito, a pessoa reconhece a firma de quem o assinou e manda pra Portugal 🙂 Não é preciso legalizar no Consulado Português ou apostilar (pelo menos cadastrei o meu no centro de saúde sem nada disso). Feito!

Todos têm direito ao PB4, não há relação com contribuições à Previdência.